O que é vale postal?

Escrito na categoria "Educação financeira" por André M. Coelho.

O Vale Postal é uma forma de transferência de recursos financeiros que pode ser feita pelos Correios. O Vale Postal tem caído em desuso nos últimos anos devido ao aumento no número de transações feitas por meios eletrônicos. Porém, com a atualização dos serviços dos Correios para as modalidades de Vale Postal Eletrônico Nacional e Vale Postal Eletrônico Internacional, eles podem se tornar boas opções para suas transferências.

O que é um Vale Postal?

O Vale Postal é um serviço de transferência de dinheiro, tanto Nacional quanto Internacional. Pessoas físicas e pessoas jurídicas podem utilizar deste serviço para transferências nacionais. Apenas pessoas físicas podem fazer uso das transações internacionais. Funciona mais ou menos como um cheque, que é enviado a um destinatário.

Como funciona o Vale Postal?

Para enviar um Vale Postal, é necessário ir a uma Agência dos Correios. No caso de Pessoa Física, são necessários os seguintes documentos:

Pessoas jurídicas precisam dos seguintes documentos:

É preciso também informar os seguintes dados do destinatário do Vale Postal:

Vale postal

O vale postal é uma forma de transferência de recursos válida e segura, usada há muito tempo. (Foto: Saga)

Correios e envio de dinheiro internacional

No momento da transferência para o exterior, será feita a conversão da moeda para a moeda de destino. O valor será pago em reais por quem está fazendo a transferência. Além do valor, uma taxa será cobrada de acordo com o valor transferido, de acordo com tabela feita pelos Correios.

A transferência só pode ser feita para países conveniados, e há limites para as transferências, assim como o prazo mínimo para os valores serem compensados.

Consulta de Vale Postal

Em transações nacionais, é necessário informar o número de vale postal a quem vai receber o dinheiro. Assim, a pessoa poderá receber o dinheiro em uma agência dos correios. Uma consulta pode ser feita no site dos Correios, bastando ter em mãos o número da etiqueta.

O remetente da remessa financeira pode solicitar o envio de um telegrama ao destinatário. Assim, ele será informado do valor que está o aguardando nos Correios.

Como receber dinheiro de Vale Postal?

Em remessas nacionais, basta comparecer em uma agência com o número do Vale Postal.

Em remessas internacionais, uma carta com aviso de chegada será enviada ao destinatário no exterior. E esta pessoa receberá a indicação da agência onde será feito o pagamento.

Em alguns países, não há notificação, como no caso da Itália. Então, o cliente deve comparecer ao correio italiano e informar o número da remessa no Brasil.

Para remessas a serem recebidas no Brasil, assim que a transação é confirmada, o dinheiro já está disponível.

Remessas de vales postais enviados do exterior para o Brasil terão um Aviso de Chegada enviado ao destinatário. Daí, só comparecer à agência com os documentos acima e os dados do Vale Postal.

Limites e prazos do Vale Postal

Vale postal no balcão tem limite de R$1000 por remessa.

Remessa de contrato, ou seja, empresa que tenha contrato com os Correios, é de até R$5000 por remessa.

Remessas internacionais tem diferentes limites de acordo com o país.

Não há cobrança no recebimento da remessa, apenas no envio.

Em vales postais nacionais, os valores ficam disponíveis por até 180 dias corridos a partir da data do envio. Se não for sacado o valor, a remessa retorna ao destinatário, que pode recuperar os valores em até 4 anos.

Em vales postais internacionais, o valor fica disponível até o último dia útil do mês seguinte ao dia de postagem do valor. Na Itália, a validade é de apenas um mês. Vencendo a validade, a remessa retornará ao emissor.

Vocês usam ou já usaram o Vale Postal? O que acham? Quais outras formas de transferência de remessas financeiras utilizam?

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

Crédito ou débito? Esta é uma pergunta quase sempre feita ao se pagar com cartão mas é uma questão também comum na vida de muitos brasileiros. Com mais de 300 horas em cursos de finanças, empreendedorismo, entre outros, André formou-se em pedagogia e se especializou em educação financeira. Dá também consultorias financeiras e empresariais quando seus clientes precisam de ajuda e compartilha conhecimentos aqui neste site.

Aviso legal

O conteúdo apresentado no site é apenas informativo com o objetivo de ensinar sobre o funcionamento do mundo financeiro e apresentar ao leitor informações que o ensine a pensar sobre dinheiro. O site Crédito ou Débito não faz recomendações de investimentos e em nenhuma hipótese pode ser responsabilizado por qualquer tipo de resultado financeiro devido a práticas realizadas por seus leitores.

Deixe um comentário