Estamos procurando explicar alguns mitos comuns do setor bancário. Vamos esclarecer o ar em torno de uma lenda urbana específica sobre caixas eletrônicos. De tempos em tempos, recebemos os pessoas fazendo a mesma pergunta: “Se eu for forçado a retirar dinheiro de um caixa eletrônico e inserir minha senha de forma inversa, a polícia será enviada?”.

Senha do banco invertida: o que faz?

A resposta é nada. Esse boato existe desde meados da década de 1980, quando alguns departamentos de polícia americanos propuseram um sistema de senha de caixas eletrônicos que faria exatamente isso, acreditando ser uma maneira eficaz de rastrear criminosos. Ele foi trazido para o centro das atenções novamente nos últimos anos devido à circulação de um e-mail falso em cadeia a partir de 2006, que desde então se espalhou para redes sociais e também aplicativos de bate papo.

Senha invertida no caixa eletrônico

Existem vários problemas com um sistema como este. Algumas pessoas podem ter senhas reversíveis, como “7667” ou “8888”, e essas senhas ficarão indisponíveis para que não haja chamadas falsas. Senhas semi-reversíveis como “3783” ou “1031” também precisariam ser evitados para minimizar o risco de que alguém acidentalmente digitasse o PIN incorretamente (bastaria apenas um número) e ligaria para a polícia. Além disso, se você estiver na situação estressante de ser ameaçado para entregar dinheiro em um caixa eletrônico, pode se tornar difícil até mesmo lembrar qual é o seu PIN de trás para frente. Mesmo que você tenha conseguido digitar seu PIN ao contrário, e o caixa eletrônico alertar a polícia, é muito provável que o criminoso fuja do local assim que o dinheiro for liberado. Não são recomendados o uso de qualquer uma dessas senhas fáceis de adivinhar nos seus cartões.

Digitar senha ao contrário no caixa eletrônico

Digitar a senha ao contrário não é um código que vá funcionar para denunciar um assalto. (Foto: divulgação)

Como se proteger de assaltos e roubos em caixas eletrônicos?

Embora essa tecnologia exista, ela não foi amplamente implementada em nenhum lugar do mundo devido às questões levantadas acima. Aqui estão algumas dicas importantes para se lembrar de manter-se seguro ao usar caixas eletrônicos:

Nunca use um terminal eletrônico que possa ter sido adulterado. Verifique o terminal para garantir que ele está dentro dos padrões e não há qualquer aparelho, máquina, ou alteração realizada que possa clonar seu cartão ou roubar seu dinheiro.

Tenha cuidado ao usar um caixa eletrônico para garantir que outras pessoas não consigam ver sua senha. Se precisar de ajuda, busque um funcionário do banco ou instituição financeira, principalmente se for para digitar sua senha. Todo cuidado é pouco ao usar os caixas eletrônicos, principalmente em dias movimentados. Desconfie de quem se oferecer para ajudar – especialmente se o seu cartão acaba de ser retido (comido) pelo caixa eletrônico.

Se o seu cartão foi retido por um caixa eletrônico, vá para a filial mais próxima, chame um funcionário, ou ligue para o telefone de assistência da instituição bancária imediatamente.

O software de senha reversa não está presente em nenhum ATM de banco importante no Brasil, nem no mundo. Em caso de emergência, ligue para 190 imediatamente, o telefone da polícia militar

Tome cuidado e nunca reaja a assaltos ou roubos. Uma reação inesperada pode assustar o criminoso e resultar em um ataque contra sua integridade física.

Esperamos ter ajudado. Se ficou alguma dúvida, deixem nos comentários suas perguntas!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)