Em um plano pré-pago, você paga antecipadamente pelo seu serviço. Em um plano pós-pago, você recebe uma fatura no final do mês com base no seu uso.

Como o nome sugere, a diferença entre um plano telefônico pré-pago e um pós-pago tem tudo a ver com o pagamento. Ambas as opções têm seus prós e contras, mas um plano pré-pago geralmente é a melhor opção para quem procura uma opção sem compromisso ou com orçamento limitado para controlar seus gastos.

Enquanto isso, os planos pós-pagos costumam ter uma melhor relação custo-benefício e a opção de incluir serviços a mais na fatura mensal. No entanto, os planos pós-pagos podem vir com contratos de fidelidade, embora as opções sem fidelidade estejam se tornando mais populares e oferecendo melhor valor.

O que é pré pago?

Os planos pré-pagos funcionam quando você “recarrega” sua conta antes de usá-la. As recargas têm preços variados, com inclusões variadas, e você pode mudar a opção de recarga que escolher sempre que fizer o carregamento.

As recargas pré-pagas da maioria dos serviços não duram para sempre. A maioria virá com uma validade definida, como 30 dias. Isso significa que, quaisquer inclusões fornecidas com a recarga, você tem 30 dias para usá-las ou perdê-las. A diferença se dá em um cartão de presente ou débito pré pago, por exemplo, onde os valores geralmente não tem validade.

Se você usar todo o seu crédito em um plano pré-pago, precisará recarregar sua conta antes de poder usar este serviço novamente.

Hoje em dia, muitos planos pré-pagos carregam uma série de serviços extras e bônus, pois é assim que muitas empresas seduzem novos usuários.

Observe que algumas recargas expiram em 28 dias, em vez de 30 dias. Se você adotar um plano de expiração de 28 dias, recarregará 13 vezes por ano, em vez de 12.

Para fornecer um valor melhor, alguns planos pré-pagos vêm com um banco de dados, o que significa que você pode manter os dados que não usa antes do vencimento. Dependendo do plano, os dados podem rolar indefinidamente, ou apenas até a próxima recarga ou o máximo definido.

Outros planos pré-pagos têm um longo prazo de 90, 180 ou até 365 dias, o que pode ser útil em algumas situações, como viagens.

Alguns fornecedores oferecem kits iniciais pré-pagos, que incluem coisas como cartões e outras coisas necessárias para ativar o serviço sendo usado e geralmente aplicam um preço com desconto ou inclusões de bônus em sua primeira cobrança. O ponto importante é que, quando você precisar recarregar, os descontos / bônus podem não se aplicar mais.

Definição de pós pago

Um plano pós pago de serviços pode ser melhor e atender ás suas necessidades de economia para combinar com seu estilo de vida. (Foto: Wise Bread)

O que é pós pago?

Os planos pós-pagos são mais como um acordo de pagamento. Você escolhe um plano e todos os meses sua empresa cobrará você e atualizará automaticamente as inclusões do plano no primeiro dia do seu ciclo de cobrança. Os planos pós-pagos podem ser apenas pagando pelo serviço ou podem incluir também a compra de um produto.

Os planos somente para serviços geralmente têm um valor melhor do que os planos com produtos incluídos, pois há mais opções competitivas para você escolher. A escolha de um plano somente para serviços significa que você terá que trazer um produto existente ou comprar um diretamente (se puder). É o que acontece no caso de planos de telefonia, onde você pode precisar ter o celular.

Os planos pós-pagos quase sempre incluem bônus e serviços extras, mas o principal ponto de diferença é a quantidade de dados que você recebe. Os bônus costumam ser maiores para os planos que tem algum tipo de fidelidade.

Se você usar todo o seu crédito em uma conta pós-paga, sua empresa permitirá que você continue usando seus serviços, por uma taxa extra ou com limitações na velocidade ou na quantidade do serviço oferecido.

Qual tipo de plano é melhor?

Os planos pré pagos são bons para testar serviços por um período de tempo, ou para serem usados quando você os precisará apenas por um prazo determinado.

Planos pós pagos são melhores para baratear custos dos serviços, após ter a garantia de que eles são bons o suficiente. Também são opções que contribuem para um controle melhor dos custos fixos.

Ficou alguma dúvida? Deixem nos comentários suas perguntas!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)