A única coisa pior do que perceber que o saldo da sua conta corrente está pairando próximo de zero é perceber que o saldo caiu abaixo de zero e você esgotou sua conta.

Quando você excede sua conta, pode acumular todos os tipos de taxas do banco e do comerciante que recusou uma transação de débito ou devolveu um cheque. Uma maneira de evitar isso é se inscrever na proteção de cheque especial.

O que é o cheque especial?

A proteção de cheque especial pode fornecer uma rede de segurança para qualquer pessoa, mas é especialmente valiosa para quem abre uma primeira conta corrente ou para quem não mantém um saldo alto e não pode pagar taxas extras ou pagamentos em falta. Embora você não deseje contar com a proteção de cheque especial para fazer o pagamento de um dia a outro, ela pode ser uma ferramenta financeira inteligente quando gerenciada com cuidado e usada com responsabilidade.

A maioria dos bancos cobra taxas de cheque especial que podem variar. Você pode até enfrentar várias taxas em um dia se houver várias cobranças ou cheques pendentes a serem pagos. Basicamente, é uma linha de crédito emergencial, com altas taxas de juros, que impedem que suas contas fiquem sem dinheiro. Se seu dinheiro da conta acabar, o cheque especial começa a agir para as transações que forem realizadas a partir daquele momento, cobrando juros e IOF a partir do momento em que as contas ficam negativas.

Funcionamento do cheque especial

O cheque especial pode ajudar a proteger sua conta contra custos de excessivos. (Foto: UniBul’s Money Blog)

Cheque especial como proteção para sua conta

O cheque especial dos bancos oferecem aos clientes uma linha de crédito de cheque especial. Se sua conta estiver vazia, cheques ou transações com cartão de débito / caixa eletrônico serão pagas usando fundos da sua linha de crédito do cheque especial. Há uma taxa de juros para os valores cobrados e você pagará juros sobre o saldo da sua linha de crédito. Este método requer aprovação de crédito.

Alguns bancos oferecem benefícios, como alguns dias sem cobrança de juros no uso do cheque especial. Alguns bancos digitais, como o banco Inter, estão também oferecendo as proteções de cheque especial. Basta lembrar de depositar valores na sua conta o quanto antes para não perder dinheiro para os juros.

Como evitar taxas de cheque especial?

A melhor maneira de não pagar taxas, no entanto, é evitar usar o cheque especial. Aqui estão algumas maneiras de fazer isso, mesmo se você tiver proteção contra cheque especial:

Verifique seu saldo diariamente e use as ferramentas bancárias online para ajudá-lo a entender para onde seu dinheiro está indo.

Defina um alerta por telefone ou e-mail para saber quando seu saldo estiver baixo.

Use serviços bancários móveis e online para fazer depósitos e transferências rapidamente.

Use o depósito direto para que seus contracheques entrem imediatamente em sua conta.

Use um cartão de débito pré-pago ou um cartão de crédito.

Lembre-se que o mais importante do cheque especial é que ele é apenas uma ferramenta emergencial. Se você precisar de dinheiro urgente, é melhor procurar um empréstimo pessoal, que tem taxas de juros bem menores.

O conteúdo fornecido aqui é apenas para fins informativos. Porém, se vocês tiverem quaisquer dúvidas sobre o cheque especial, nossos comentários abaixo estão abertos para suas questões. Iremos responder o mais rápido possível para ajudar.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)